Blog ação no corpo

Sistema endocanabinoide: o que é e como funciona

5 min de leitura,      8 de junho de 2018

Acredita que dentro de você existe um sistema batizado em homenagem à cannabis? É o sistema endocanabinoide. Descoberto há menos de 25 anos, ele pode ser encontrado por todo o seu corpo. Esse sistema permite a comunicação e coordenação entre as suas as células, ajuda seu organismo a se manter equilibrado e está envolvido em uma série de processos cognitivos e fisiológicos como apetite, dor, inflamação, resposta ao estresse, humor e memória.

Vamos responder abaixo algumas questões que te farão conhecer e compreender melhor esse sistema.

O que é sistema endocanabinoide?

O sistema endocanabinoide é o sistema de comunicação entre o cérebro e os processos do corpo. Sua principal função é ajudar a manter a homeostase.

Mas o que é homeostase?

Para entender o sistema endocanabinoide, é útil conhecer um pouco de um dos conceitos mais fundamentais da biologia: a homeostase.

O seu corpo não quer que a sua temperatura seja muito quente ou muito fria, que os níveis de açúcar no sangue sejam muito altos ou muito baixos, e assim por diante. As condições precisam ser perfeitas para que nossas células mantenham um bom desempenho.

Os mecanismos do corpo evoluíram para sempre trazê-lo de volta ao equilíbrio.  E esse o processo de manter o corpo em equilíbrio é a homeostase.

Peças-chave do sistema endocanabinoide

Devido ao seu papel crucial na homeostase, o sistema endocanabinoide é difundido em todo o reino animal e pode ser encontrado em cada uma das espécies de vertebrados.

Os três principais componentes do sistema endocanabinoide são:

1- Receptores canabinoides encontrados na superfície das células. Eles transmitem informações, ou seja, avisam o interior das células sobre as mudanças de condições, dando início à resposta celular apropriada.

Existem dois principais receptores canabinoides: CB1 e CB2. Eles não são os únicos, mas foram os primeiros descobertos e permanecem sendo os mais estudados. Os receptores CB1 são mais abundantes no cérebro. Os receptores CB2 são mais abundantes fora do sistema nervoso, em lugares como o sistema imunológico. No entanto, ambos os receptores podem ser encontrados em todo o corpo.

2- Endocanabinoides, pequenas moléculas que ativam os receptores canabinoides.

Fato curioso: É possível encontrar na planta cannabis moléculas semelhantes às que nosso corpo produz. Guarde esta informação, voltaremos nela mais adiante.

 3- Enzimas metabólicas que quebram os endocanabinoides após serem usados. Elas garantem que os endocanabinoides sejam usados ​​apenas quando necessário, nunca por mais tempo.

Quais são as funções do sistema endocanabinoide?

Todos os outros sistemas do corpo, do digestivo ao imunológico, precisam controlar cuidadosamente como suas células estão funcionando. A regulação adequada é essencial para garantir a sobrevivência.

O sistema endocanabinoide está por todo o corpo, em membranas celulares do cérebro, órgãos, tecidos conjuntivos, glândulas e células do sistema imunológico. Em cada parte do organismo, ele executa tarefas diferentes e o propósito é sempre o mesmo: homeostase.

Além disso, o sistema endocanabinoide também se encontra nas interseções de vários sistemas, permitindo a comunicação e coordenação entre as células. Quando os receptores canabinoides são estimulados, uma variedade de mecanismos fisiológicos ocorre no corpo, incluindo: apetite, dor, inflamação, termorregulação, pressão intraocular, sensação, controle muscular, equilíbrio de energia, metabolismo, qualidade do sono, resposta ao estresse, motivação/recompensa, humor e memória.

Como a cannabis interage com o sistema endocanabinoide?

Compreendendo o princípio biológico do sistema endocanabinoide e o seu envolvimento com a homeostase podemos começar a entender como as terapias com cannabis funcionam.

Lembra-se quando falamos que na cannabis encontramos moléculas semelhantes às que o nosso corpo produz? São os canabinoides vegetais, chamados também de fitocanabinoides! Quando eles entram em contato com o organismo, se conectam aos nossos receptores canabinoides e desencadeiam ações benéficas para tratar uma série de doenças, como epilepsia e esclerose múltipla.

A presença e as funções do sistema endocanabinoide nos muitos sistemas do corpo, explica porque uma variedade tão grande de doenças e sintomas respondem positivamente aos tratamentos com cannabis.


O tratamento com cannabis pode ser para você!
Para saber se o tratamento com cannabis é o ideal para a sua condição ou de algum conhecido ou familiar, cadastre-se gratuitamente na plataforma! Consulte um médico prescritor e conte com todo o apoio da Dr Cannabis para ter acesso legal a medicamentos à base de cannabis. Caso já tenha cadastro, encontre um médico prescritor ao acessar o seu perfil.

É um médico e tem interesse na terapêutica canábica?
Há milhares de pessoas em busca de médicos prescritores. Nós também podemos ajudar com informações sobre o tratamento com cannabis medicinal. Junte-se a nós pela qualidade de vida de milhares de pacientes, faça seu cadastro como médico gratuitamente ou acesse o seu perfil.

Gostou do artigo?
Média de votos
Loading...
É paciente?
Nossa missão é ver você bem
CADASTRE-SE
É médico?
Tudo sobre tratamentos com cannabis está aqui para você
CADASTRE-SE